Ciberjornalismo na Lusofonia: Contributo para um Mapeamento

6 07 2013
.
O ciberjornalismo lusófono não tem um padrão que o caracterize globalmente, no que diz respeito ao aproveitamento das potencialidades do meio. Pelo contrário, a diversidade é tão grande quanto a disparidade de níveis de desenvolvimento dos vários países.
.
Estas são as principais conclusões do estudo “Ciberjornalismo na Lusofonia: Contributo para um Mapeamento”, apresentado hoje na Conferência Internacional Interfaces da Lusofonia, na Universidade do Minho, em Braga.
.
O estudo foi realizado pelo ObCiber, em colaboração com Grupo Novos Medios (Galiza) e investigadores do Brasil, Cabo Verde e Moçambique.
.
Mais resultados na apresentação Ciberjornalismo na lusofonia (PowerPoint)
.
Referência à comunicação no Blog da Conferência: ST25: Lusofonia nas redes
.




Vencedores dos Prémios de Ciberjornalismo 2012

10 12 2012

Vencedores da 5ª edição dos Prémios de Ciberjornalismo, instituídos pelo ObCiber e anunciados e entregues sexta-feira, no Porto, no III Congresso Internacional de Ciberjornalismo:

1. Excelência geral em ciberjornalismo

Rádio Renascença

2. Última hora

O dia da implosão da Torre 5 do bairro do Aleixo, minuto-a-minuto – Jornal de Notícias

3. Reportagem multimédia

A noite em que a polícia prendeu 1500 estudantes – Expresso

4. Videojornalismo online

Documentário: 20 anos de Paredes de Coura – Jornal de Notícias

5. Infografia digital

366 pedaços de céu – Expresso

6. Ciberjornalismo académico

Dossiê Es.Col.A da Fontinha – JPN

 





El País e Diário Digital renovam sites

23 02 2012

O El País surgiu ontem, quarta-feira, com um site renovado, destacando-se as alterações nos mecanismos de navegação, recuperação de informação e participação. A renovação tem por base uma decisão estratégica de unificação de toda a produção com a marca El País:

“(…) toda la redacción de EL PAÍS trabaja, independientemente de la salida de los contenidos -vía edición impresa, ordenadores, móviles o tabletas-, con los mismos niveles de calidad y rigor”.

Também recentemente, o Diário Digital renovou o seu site, apostando num design mais apelativo, na abertura de caixa de comentários, no fecho de serviços já inativos e na introdução de ferramentas de partilha. O Disco Digital e o Dinheiro Digital mantêm, contudo, o visual antigo.

 





Cibermeios: PortugalDiário acabou, redação concentrada no site TVI24

8 11 2011

O PortugalDiário acabou, 11 anos e dois meses depois de ter sido lançado. A redação está agora dedicada ao site TVI24.





Cibermeios: Diário exclusivo na Net

18 10 2011

Trata-se de uma decisão inédita entre os media em Portugal: um jornal que abandona o papel para ser publicado em exclusivo na Internet. Acaba de acontecer com o Diário Net, que era conhecido por Diário Cidade.

Publicado na Madeira, o Diário da Cidade era o jornal com mais audiência naquele arquipélago, segundo o Bareme Imprensa Regional 2010.





Cibermeios: Renascença V+ e Sul Informação

28 09 2011

No mesmo dia, 26, surgiram dois projectos no universo do ciberjornalismo em Portugal. Um, integrado, outro, novidade. Trata-se da V+, uma webTV do grupo r/com, e do Sul Informação, um ciberjornal da região sul – projecto lançado por um grupo de ex-jornalistas do jornal Barlavento.





Cibermeios: Nasceu o P3

22 09 2011

Está acessível online desde hoje a versão beta do P3, cibermeio criado pelo Público em consórcio com a Universidade do Porto e o INESC Porto, num projeto financiado pelo QREN.
Direcionado a uma faixa etária entre os 18 e 35 anos, o P3 nasceu “para todos os jovens (e não só) que se encontram afastados dos órgãos de informação por não se reverem nos temas tratados”.